quarta-feira, 4 de junho de 2008

The secret

Penso que este anúncio da Campari já terá uns 3 anos. Divirtam-se. ;-)



Há "Campari French kiss" para a primeira que encontrar David Bowie e Stanley Kubrik neste delicioso vídeo. ;-)

x-pressiongirl

4 comentários:

rosa que fuma disse...

ível! completamente out-of-focus. mais facilmente encontrava o woody allen

rosa que fuma disse...

Random facts rosa:

o monoquini aguardou um par de anos até ser publicado na vogue, e quando o foi, foi de costas. A ideia era genial e afirmava-se por direito próprio apesar da censura.

O estilista era digno do raspberry reich, punha armas e outro acessórios risiveis nos seus fashion shows.

Depois do monoquini, tentou o No-kini, triangulo pubico pintado e apenas fios.

acabou os seus tempos dado como tolinho a fazer os uniformes da serie galactica.

(os maleficios da ficção científica)

Sofia disse...

Já enviei a minha resposta para o vosso e-mail. Kubrik é flagrante agora Bowie... Qual é a resposta? Posso ter direito a meio Campari?
O vídeo está muito fixe mesmo.

x-pressiongirl disse...

Rosa há-de dizer onde encontrou woody allen porque esse escapou-me.
Quanto à contextualização da cena "kini", obrigada gentileza em partilhar tais curiosidades. ;-) Depois de me documentar melhor também gostaria de dar uma mini-aula de história a partir da calcinha zazá (anos70, creio, no brasil) que era uma calcinha unissexo até ao moderníssimo (e pirosérrimo) trikini (leve 1, pague 3).
Vou dar as respostas do kini-concurso, já que mais ninguém parece querer avançar e eu já esgotei o Campari da minha garrafeira:
Sofia, o seu palpite sobre Stanley Kubrik vinha correctíssimo. A música do anúncio é a da cena mais famosa do "Eyes wide shut". Quanto ao David Bowie, (e este é que foi o mais flagrante para mim, já que eu adorava o videoclip quando era miúda) encontramo-lo metaforicamente presente na parte do anúncio em que a "rapariga", que se revela afinal um rapaz, borra o batôn com as costas da mão. Refiro-me ao videoclip "China girl", mas li algures que antes desse video David Bowie já tinha usado essa mesma ideia num outro cujo nome agora não me recordo (estou com pouca vontade de procurar).

Boa sorte para a próxima. ;-)